domingo, 4 de setembro de 2011

holístico, orgânico, faça ioga e coma legumes

o texto do new york times tinha o seguinte título: cosméticos simples, promessas modestas. falava dos produtos naturebas e tal, coisa pra quem não toma aspirina, como eu. mas de repente uma executiva de uma empresa de marketing diz que existe um movimento abrangente, "holístico, orgânico, faça ioga e coma legumes".
bem, é ótimo que a pessoa começa a escrever e vai enrolando, enrolando. eu consigo enrolar quando escrevo, mas enrolo mais ainda quando falo. oh my god!
queria falar de pessoas "caga-regra". claro que não vou falar dos outros. vou falar de mim.
estávamos numa sala grande, todos pais ou mães de crianças do jardim de infância. a exceção era a minha amiga carla, que foi comigo ouvir a palestra de uma pedagoga fabulosa. pais adoram ouvir opiniões. acho que é uma necessidade louca de checagem: estou fazendo certo? ou estou fazendo muita merda? precisamos de pessoas que nos apoiem, e que digam que o nosso laboratório doméstico de criação de filhos está dando certo. ou pelo menos que estamos seguindo um caminho razoável, que pode dar certo - o futuro a deus pertence, e a frase vale para este caso.
mas eis que depois de duas horas de uma palestra maravilhosa, divertida, iluminada, a discussão foi para "crianças que gritam". e eu levantei minha mão para perguntar o que fazer com "crianças que reclamam das 6h às 19h".
"você reclama?", me pergunta pilar, a fabulosa palestrante cujo sobrenome me escapa neste momento. e eu, horrorizada e envergonhada, respondi "sim".
os filhos são espelhos, os maridos também. refletem a nossa imagem. dormi com isso, acordei com isso.
na porta do meu quarto, escrevi, embaixo de "no dogs allowed" (uma inspiração que veio de um sonho da semana que passou), "don't complain". adoro bilhetes, listas, frases, papeizinhos.
tudo pra me lembrar que "holístico, orgânico, faça ioga e coma legumes" pode ser uma verdade ou uma merda.

2 comentários:

  1. hahahahah...adoro seus posts...às vezes fico pensando em escrever também, porém não tenho o mesmo dom, e realmente sairia uma merda...então fico lendo o blog dos outros e me satisfazendo...mas ainda não sei se eu e o Bob somos espelhos...acho que pelo contrário, muitas vezes...hahahahah bjos, Ana

    ResponderExcluir
  2. o que seria o contrário de espelho? fiquei tentando imaginar e não consegui.

    ResponderExcluir