Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013

ojeriza

acabo de aprender que ojeriza se escreve com j. eu tinha certeza que o correto era com g. diz o houaiss que significa "sentimento de má vontade, aversão, antipatia gerado pela intuição, por uma percepção, um ressentimento". e foi bem isso o que ela quis dizer quando sugeri que encontrássemos algumas pessoas.
não éramos amigas. mas marcamos um encontro na padoca. eu tenho umas ideias, ela tem outras, e queríamos falar de trabalho, na verdade. conversamos sobre muitos assuntos, menos de trabalho. contei coisas que eu não contaria pra muitas amigas. e na hora de irmos embora, eu, com minhas faltas de noção, disse que podíamos marcar outra happy hour com as pessoas com quem ela tinha trabalhado. e ela ficou me olhando quieta, e disse "não". depois completou com a palavra que diz tudo, "tenho ojeriza".
eu adoro as palavras. por isso invento algumas e, pior, uso várias com sentido errado. acho que estou dizendo uma coisa quando na veradade estou dizendo outra. …

você tem de me tratar bem, pelo menos

o joão começou a fazer aulas de inglês fora da escola. e lá fui eu atrás do livro. achei e comprei pelo site da livraria cultura. quando olhei pra tela que dizia que minha compra tinha sido finalizada, vejo que o número do meu prédio estava errado. tempos atrás eu fiz uma compra, errei na hora de colocar o número, e assim ficou.
tentei mudar o número, não consegui. o livro chegaria em cinco dias. mas, pela experiência que tenho em compras pela internet - eu compro até batom em site -, chegaria em um dia. o livro não chegou no outro dia, mas um simpático e-mail, sim. começava assim a mensagem: "Sabe o que acabou de sair daqui? Sua encomenda!". e terminiva de forma muito fofa: "Logo, logo ele chegará ao seu destino.". e, antes da assinatura, "Para mais informações, se desejar, ligue para a gente. Tenha um ótimo dia!". babei de alegria.
rapidamente liguei, e consegui falar com um ser humano sem ter de passar por uma gravação sinistra. a pessoa me disse que …

elucubrações pós boteco

fomos para o boteco. poucas pessoas do escritório vão pro boteco, mas hoje, excepcionalmente, éramos uns 20.
mais homens do que mulheres. e então vem a pérola: os requisitos para contratação eram os seguintes:
1 - é bonita?
2 - é gostosa?
3 - é praticante do amor livre? (seja lá o que essa pergunta significa)
4 - não tem preconceito com homens casados?
5 - quer subir na carreira?
ah ah ah mil vezes. sim, ele devia estar brincando. eu o admiro, e dia desses fiz um jantar para ele e outros amigos. deve ser uma piada.
...
converso com um colega. e ele me conta que a mãe dele era "HIV positivo". fico quieta, e ele me diz que quando os pais se separaram, a mãe foi viver a vida dela, e o pai ficou com a guarda dele. "você tem uma boa imagem das mulheres?", pergunto. ele diz que sim. que depois de anos de terapia, entende que a mãe foi viver a vida dela. "ela sempre fez o que quis." fiquei muito tocada. tenho a impressão de que ele a perdoou.
...
o pai dele era …

pedacinhos de alegria

- Tita, antes de qualquer coisa, devo dizer que o escritório melhora muito com a sua presença!
...

- o deus que eu mais gosto é shiva.
- por quê?
- porque o cabelo dele é da hora, e porque ele é vidaloka. a mulher dele tem duas formas. uma normal, outra quando ela fica irritada.

...

- cera, madame?
fico pensando, e acho que sim, que é lavagem com cera. ele tinha se inclinado para falar comigo, como uma pessoa faria para falar com uma madame.
por que ele acha que sou uma madame? não sei. mas foi fabuloso.