mais do mesmo

meu deus. abro o caderno de economia e encontro uma surpresa. um belo texto sobre jornadas de trabalho flexíveis. no caso, uma "jornada fixa".
a brasileira que o escreve é uma jornalista que mora em londres. trabalha na bbc, e busca os dois filhos na escola todos dias.
eu chego lá!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

obrigada, SPTrans, por nos tratar como lixo

dezembro, o mês perfeito para desentulhar a vida da gente

abraçando a oportunidade de ir