sábado, 7 de setembro de 2013

a felicidade grátis

a ideia não é minha. há tempos eu pensava nisso. mas sempre eu tinha 'coisas pra fazer'. aí minha amiga teve um filho, e foi emagrecendo, emagrecendo, e me disse "tita, vamos logo fazer isso".
o 'isso' é uma swishing party. o que quer dizer um evento em que cada mulher leva uma peça de roupa legal, e 30 minutos são reservados para olhar tudo, e depois toca-se o gongo e cada uma pega o que quiser.
não, meu caro, não tem nada de selvagem. as regras são simples: é proibido cuspir, arranhar e bater. ponto.
eu acho engraçado como a maioria das pessoas acha essa ideia mega selvagem, sem ordem. mas não é. porque não é uma feira de trocas, nem uma venda promocional, nem um bazar. é uma doação. você leva tudo o que você não usa mais. e como cada pessoa vai levar o que não usa mais, você eventualmente vai achar algo legal.
eu convidei umas 20 amigas e, ao perceber que muitas não viriam, convidei outras dez. mas éramos somente seis hoje à tarde.
ficamos esperando, porque a ideia era 30 minutos para todas chegarem, 3o minutos para ver - e experimentar - tudo, e aí o gongo seria tocado.
para minha surpresa, todo mundo gostou de muita coisa, e não houve arranhões, nem cuspes, tampouco tapas. somente uma blusa, entre umas 30 ou 40 peças, foi disputada por duas pessoas. fizemos um sorteio, e tudo acabou bem.
tinha suco de maracujá, chimarrão pras gaudérias, prosecco, damascos, vinho tinto. e brigadeiro que meus filhos fizeram e deixaram na geladeira antes de viajar pro rio de janeiro pra visitar o pai.
eu estava sozinha em casa de manhã, e achei que era hora de dar uma geral no meu armário. segundo a dani, minha amiga de infância, eu sou toc. mas não acho que seja o caso. só porque arrumo meu armário duas vezes por ano não acho que eu seja um caso doentio de pessoa-que-não-aguenta-desordem.
mas a surpresa, depois de eu ter jogado duas vezes a água marrom da bacia onde eu molhava o pano para limpar o armário, foi animal. eu me livrei de uma calça velha que eu nunca usava e de uma necessaire. e mais uns papeis que haviam sido abandonados na parte do armário onde guardo minha caixa de costura, minha máquina singer e uns retalhos de tecido. depois de anos pensando que ter um armário mais vazio do que cheio é uma vantagem, consegui ter um armário mais vazio do que cheio e sem coisas para serem passadas adiante.
feita a limpeza - e arrumação - do meu armário, pensei que precisava comprar umas sandálias para o verão e uma bolsa bege - sugestão da erika, minha consultora de estilo que diz que eu preciso usar salto alto mais vezes. e tudo que ela fala eu tento obedecer, mas nem sempre com sucesso.
eis que na swishing party ganho um par de sandálias maravilhosas, uma bolsa bege belíssima, um casaco de malha preta e uma bolsa de veludo bordô com cara de 'eu sou jovem e descolada' bacanérrima.
mas a alegria foi geral. a inês saiu com uma pilha enorme de roupas, a paula levou duas ou três calças lindas e uma rasteira prateada, uruguaia, exuberante, a ana levou um vestido bordô, a dani levou uma blusa e um lenço, a carla levou uma blusa de malha - que foi sorteada - e dois lenços, acho.
disse pras meninas que acho que temos de fazer swishing parties a cada seis meses. em algum lugar mais público do que privado, tipo um parque, pra que eu possa chamar 40 amigas, e cada amiga possa chamar outras 10 ou 20 amigas.
é muito legal saber que alguém vai adorar usar um vestido que não serve mais em você. ou que um lenço que você nunca usou será muito bem usado por alguém. ou que a calça que ficou sinistra em você ficou linda em alguém, que irá usá-la alegremente.
vou dormir feliz da vida, porque, como eu sempre digo pro joão e pra lívia, as coisas boas da vida não custam nada. sorry.
ah ah ah mil vezes.

6 comentários:

  1. Eu amei! Fiquei com bem mais coisas, flor: um colar, uma blusa listrada, um chalé florido que você disse que ficou ótimo em mim e uma vestido de onça seu!!!! Além do chapéu e dos presente para o Pedro! hahahahahaha ADOREI! quero fazer mais vezes! Eu também acho que o melhor da vida não custa nada! amo-te!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. querida aninha, foi o máximo mesmo. estou indo pra uma reunião em porto alegre de casaqueto preto novo! iupi! beijos.

      Excluir
  2. Tita, foi muito bom! O melhor,sem dúvida,o encontro.No meu caso, "arrecadei" super pouco, duas coisas. Mas isso também foi bom! Minha alegria não foi em voltar cheia de peças novas pra casa, mas de tirar MUITA coisa do armário e saber que serão usadas! Não estavam sendo usadas. Enfim, tô super dentro na próxima.Parabéns pela iniciativa! Querida, não leve o TOC a sério!! De forma alguma é um diagnóstico, só um jeito de falar! Bj Dani

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ufa! alívio. eh eh eh.
      mas é legal né? parar que querer ter tudo, e dar conta de ter menos. é o máximo.
      vamos pensar em mais swishing parties!!!

      Excluir
  3. Muito legal essas festas! Aqui vou em muitos brechós beneficentes pelos animais... de vez em quando faço doações, e sempre compro algo, barato ou quase grátis... uso todas as minhas roupas e adoro reutilizar... bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. olá, seja bem-vinda por aqui.
      agora estou pensando em fazer a swishing party 2ª edição!
      quando você fala "aqui" se refere a porto alegre?

      Excluir