segunda-feira, 24 de março de 2014

e o oscar vai para...

cheguei em casa um pouco depois das 7pm. minha filha tomava banho, meu filho tinha o i-pad no colo. minha empregada querida tinha a mesma cara de sempre - e por isso os baianos estão à frente de toda a população ocidental.

minha barriga doía. era uma dor estranha, como se eu estivesse para parir a qualquer momento. eu vim dirigindo do escritório para casa respirando para sentir de onde vinha essa sensação estranhíssima. a dor tomava conta do abdômen e da região onde eu tenho a cicatriz da cesárea.

tchau, nalva.
lívia, coloca o pijama, vai jantar e já pra cama!
joão, quantas lições você fez?
...
pausa para meditação.
...
é uma piada. eu queria jantar e dormir. mas meu filho tinha lições. muitas.

ele trocou de escola este ano. ele e o pai escolheram uma escola "normal". coloco com aspas porque o joão estudava numa escola de pedagogia waldorf, e todos os dias dizia que não gostava da escola.
foi um teste de aceitação. ou como diz o mestre, "você foi traída". eles escolheram a escola, e eu não tinha nada pra fazer. disse mil vezes que não concordava, mas eles, meu filho e o pai dele, acharam que minha opinião era besta. a escolha foi deles.
...
a ideia era legal: os meninos da família (o pai do meu filho não é da minha família, mas é da família dele!) tinham feito a escolha. o pai do joão pagaria material escolar, perua e mensalidade. e ajudaria o filho nas lições. e era a opção dos homens, não da mãe chatonilda e louca que sempre caga regras.

mas o joão mora comigo, em são paulo. e o pai dele mora no rio de janeiro, com a mulher dele e a helena, irmã dos meus filhos. meia-irmã.
...
o joão chegou da escola. almoçou. foi pra natação. voltou, e passavam das 7am e ele não tinha feito nenhuma lição. que era um mapa do bairro onde ele mora + páginas 37 a 39 e 72 a 75 do livro de matemática + exercícios 1, 2, 3 e 4 da página 109 do livro de inglês.
ele ligou pro pai pelo skype. o pai não estava online. os créditos do celular que o pai deu pra ele tinham acabado. eu fiquei respirando e expirando pra não me meter. depois de intermináveis 10 ou 20 minutos, ele começou a falar com o pai, e os dois fizeram 1 ou 2 exercícios de matemática.
...
o joão espanou. desligou o skype na cara do pai, que ligou pra mim. expliquei que às 9pm ninguém de 11 anos que acorda às 6am consegue fazer lição. o joão não aprendeu números com vírgula na ex escola, e na escola atual há cálculos com vírgula que eu tinha certeza que deveriam ser ignoradas.
amanhã ele deve começar aulas particulares. ele adora muitas matérias, é inteligente, mas eu preciso estar sentada ao lado dele para fazer qualquer lição.
eu trabalho de 6 a 15 horas por dia, nas últimas semanas tenho trabalhado mais do que seria recomendado para um ser humano que não acha que trabalho é tudo na vida.
eu também crio meus filhos sozinha.
mas eu tenho ajuda de muitas pessoas. tenho uma chefe maravilhosa, amigos incríveis e alegria. não mando em ninguém, mas quando peço ajuda muita gente aparece. e mesmo assim acho que ser mãe solteira é uma roubada do além. talvez na minha próxima vida eu seja mais esperta e entenda. mas nesta, em que tenho de trabalhar - e muito! - e dar conta do recado, acho tudo um pouco excessivo.
por isso que fico em casa, não uso o carro, durmo 15 horas, coloco as crianças na cama cedo mesmo nos fins de semana. por isso que ando de bicleta, faço pão integral, jantares fabulosos pros meus amigos e dou risada o dia todo - mas nem em todos os dias.
...
não quero peso. quero leveza. nem quero durezas. quero pessoas felizes, gargalhadas sonoras e fé. que vamos combinar que é o que falta.
...
ah, ia esquecendo do oscar. no meio da lição de matemática, quando disse ao joão que eu tinha escolhido ser jornalista porque a matemática não era uma paixão, disse a ele que o oscar ia para...o ítaca, a escola que mais tem lição no mundo. (é uma piada. mas vale pra mim. eu nunca pensei que um filho estudaria numa escola cheia de lições. não dou conta.)
 ...
eu rezo todos os dias, medito quase todos, mas cada vez menos, por causa do excesso de trabalho. eu sei que vou descolar uma casa no cu do mundo. onde vai ter comida e bebida, risadas e calor.
...
esta sou eu, antes de mudar pro cu do mundo.
...
deus esteja!






3 comentários:

  1. Tita, podes estar p. d vida e mega sobrecarregda, mas, ainda assim, linda na foto!!!!!
    Bjs,
    Dani

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. dani, da série nem tudo está perdido!!! adorei.

      Excluir
  2. rs, rs, rs,bj Dani P.S. Como diriam nossas mãe, segurando o "elã"

    ResponderExcluir