onde estão meus saquinhos de bom humor?

ela perguntou se meu humor, o bom, é claro, tinha voltado. eu tinha ido ao escritório hoje porque tinha tarefas a cumprir. pagar com atraso o estacionamento, mandar meu computador para um pequeno check-up - a máquina é jovem, mas já apresenta pequenos problemas -, reorganizar minhas horas de trabalho - leia conversar e tentar mudar meu esquema de trabalho.
mas o meu bom humor continuava em algum lugar entre a nova zelândia e o egito. ao que ela respondeu: 'eu queria um saquinho de bom humor'. bem, eu procurei debaixo da minha mesa, dentro da minha bolsa, mas de fato os saquinhos não estavam ali. para mim, é muito simples perceber quando estou vivendo longe do meu gigantesco arsenal de saquinhos de bom humor. quando eu fico brava é certo. e hoje eu fiquei brava duas vezes. mas muito brava, de doer a barriga. e de chorar.
horror dos horrorores. nessas horas, depois que passa a dor de barriga, vem o resto. o banho de infelicidade: mas como eu estou gorda minhas roupas estão mesmo um lixo que horror essa cidade cheia de carros como é chato escrever mas que merda que eu não tenho tempo livre ontem trabalhei quase 11 horas(!) estou morrendo de sono minha cabeça não dorme e eu fico fritando na cama nossa que dias quentes será que aquele rapaz tem uma namorada? vou jogar no lixo essas sandálias ordinárias mas como meus cabelos estão grandes e brancos fim.
sal grosso, um pé de arruda, uma oração, uma bênção com arroz.
e para fechar o dia com chave de ouro, o i ching diz que é importante ter cuidado e manter-se íntegra.
oh yeah!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

as dores do chute na bunda

sobre o dia em que fui ao fórum falar a verdade e nada mais que a verdade

bom te ver!