ele sempre falava da gratidão

é difícil falar de gratidão quando o cansaço senta sobre os nossos ombros. e eu tenho de admitir que minha inspiração não anda simpática, e eu ando escrevendo trechos sinistros.
...
existem dias que são muito peculiares. ontem foi um deles. soube da morte do meu primeiro chefe logo cedo. sabia que ele estava doente, mas não imaginava que estivesse morrendo - pensamento estúpido, já que morremos um pouco a cada dia. foi pelo facebook, e as pessoas foram deixando mensagens ao longo do dia.
à noite, depois de trabalhar um tanto, comecei a chorar quando me lembrei que foi ele quem me contratou para "trabalhar com qualquer coisa que tivesse a ver com comunicação". eu dava aula numa escola de inglês e estudava jornalismo. e um dia disse para o meu pai que era hora de trabalhar com a tal da comunicação.
e então meu velho me deu o telefone do carlinhos. eu liguei, me apresentei, marcamos uma entrevista. eu lembro a roupa que usei, que era para mim muito especial: uma saia de seda cor de gelo, longa e com pregas, maravilhosa. uma blusa cor de vinho de malha, de mangas compridas - devia ser inverno em porto alegre - e um sapato de couro pontudo cinza chumbo.
ele me contratou para um estágio, e o alex, que estava fazendo uma seleção de estagiários, ficou furioso que EU tinha sido contratada sem ELE aprovar, e me contou! fiz o estágio por 3 meses, e depois disso fui contratada. fiquei amiga do alex, de quem eu passei a ser assistente, e acho que um dia rimos dessa história. adorávamos trabalhar juntos.
...
as crianças voltaram para a escola há duas semanas. minha filha foi para o 1º ano, o que, na pedagogia waldorf, é um grande acontecimento. é quando as crianças completam o primeiro setênio e estão prontas para algumas mudanças, como aprender as letras, fazer cálculos, ter aulas de alemão, de inlgês, de flauta. a foto aí em cima é da lívia andando em direção à escola no primeiro dia de aula. ela estava muito emocionada. e eu demorei a entender o que significava aquilo pra ela.
no segundo dia de aula, ela me diz, com cara de "ó", que tinha brincado muito. ela achava que no 1º ano as brincadeiras deixariam de existir! "você acha que eu te colocaria numa escola em que não se brinca?", e ela respondeu, aliviada, que não.
e a professora que fez a apresentação da professora de classe nesse 1º dia de aula da lívia disse que "o presente era um presente". eu fiquei boquiaberta, feliz de escutar aquilo. não vou esquecer. e é sobre isso que eu queria escrever.
...
a vida é um presente. e os encontros também. reclamo de tantas coisas bestas que às vezes não me sobra tempo de lembrar e de agradecer os encontros que tive e que tenho.
o carlinhos tá no céu agora, e espero que esteja dando doces risadas. quando a gente tem 18 anos, a gente não sabe a importância do primeiro emprego. mas o mais desagradável é não se dar conta da importância dos encontros que temos todos os dias, ao longo da nossa vida.
por isso rezo e medito e respiro para sempre ter inspiração e estar atenta aos anjos que aparecem todos os dias na minha vida.
...
o médico que fez o parto do meu primeiro filho sempre falava da gratidão. ele dizia que nos esquecíamos de agradecer. e quando o joão ia nascer, ele fez uma oração para agradecer tudo o que estava acontecendo.
quando estávamos saindo do hospital, dois dias depois, o segurança, um homem enorme, checou nossas pulseirinhas, viu que o bebê era de fato o nosso filho, e perguntou: "vocês não estão esquecendo de nada?". a gente ia levando bolsas de roupas, um filho recém-nascido, sacolas com presentes e vasos de flores. então o segurança olhou em direção à capela e perguntou: "vocês já agradeceram?". o alessandro, que não sabe rezar nem o pai nosso, entrou na capela, cheia de vitrais maravilhosos, e começou a soluçar. rezamos e saímos dali felizes da vida.
...

Comentários

  1. Apenas um pequeno ajuste para que fique registrado (ao menos) na rede: eu sei rezar o pai nosso. Aprendi com a Tia Laia...

    bjs

    ResponderExcluir
  2. que lindo este post!

    Olá Boa tarde!

    Parabéns pelo site eu achei muito interessante e gostaria de te convidar para participar do Agrega Pais um agregador exclusivo com assuntos para papais mamães, avós e a família em geral.
    Para participar você pode enviar um link direto pelo site e também pode se tornar parceira com possibilidade de divulgarmos ainda mais seu blog. E melhor tudo isso de graça!
    Uma ótima forma para você aumentar seus leitores.

    http://agregapais.com.br/


    Att,
    Edna Corsi

    contato msn: c2d3digitalbusiness@hotmail.com

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

as dores do chute na bunda

sobre o dia em que fui ao fórum falar a verdade e nada mais que a verdade

bom te ver!